Não Sou Esse Tipo de Garota - Siobhan Vivian

"Ao aconselhar as meninas, diria que confiar em garotos é igual a beber e dirigir. O fato de se tomar uma ou duas cervejas nunca parece perigoso no começo. Mas para mim, era óbvio: por que alguém iria correr o risco?"


Natalie Sterling sempre soube exatamente o tipo de garota que era. Do tipo estudiosa, que tira as melhores notas da turma, boa filha, boa amiga. Aquela que vai entrar numa boa universidade e sair de uma vez por todas daquela pequena cidade onde vivia. Percebe-se pelo quote acima que ela não confia em garotos. Para ela meninos são apenas entraves, obstáculos que a separam do futuro glorioso que a aguarda. Essa situação piorou muito quando sua melhor (e única) amiga Autumn se envolve com um garotão da escola e acaba tendo sua reputação manchada por causa de fofocas. Isso acabou com sua popularidade e lhe rendeu um desagradável apelido: isca de peixe.

Tudo estava indo muito bem para Natalie no início do seu último ano letivo na Academia Ross. Ela venceu as eleições para presidente do conselho estudantil, tinha a aprovação da srta. Been (sua professora preferida) e suas notas não podiam estar melhores. Mas tudo muda quando ela reencontra Spencer Biddle, uma caloura na Academia de quem Natalie tinha sido babá há algum tempo atrás. Ela começa então a se sentir responsável pela  garota, pois Spencer tem um comportamento nada convencional. Ela acredita que não deve ocultar seus desejos e que pode manipular os garotos por meio do sexo. 

"Que direito alguém tem de me dizer o que fazer com meu corpo? Não vou me sentir culpada só porque gosto de ser sensual. Não ficarei envergonhada. (...) Forçar as garotas a ficar envergonhadas por terem comportamentos que são naturais é um preconceito ridículo. Francamente, deveríamos mandar todos aqueles que nos julgam para aquele lugar."

Spencer vai criar muitas confusões na escola e Natalie vai se ver envolvida nelas, mesmo sem querer. E essas confusões aliadas ao seu temperamento orgulhoso e egoísta, vão fazê-la perder a amizade de Autumn, sua amiga à anos. Mas tudo ainda pode piorar quando Natalie se vir envolvida com Connor Hughes, que era a síntese de tudo o que ela odiava em um garoto: popular, jogador de futebol, e melhor amigo de Mike Domski, seu arqui-inimigo.

Mas todas essas reviravoltas vão levar Natalie a perceber que as pessoas não têm rótulos e que nem tudo é tão simples como ela imaginava. Jogadores de futebol também podem ser garotos meigos e companheiros, e a menina taxada como "Rosstituta" pode ser uma amiga incrível.

"Tinha percebido isso agora e ia continuar percebendo pelos anos que viriam: não importa se eu for a garota que faz sexo, a garota que tem o retrato na parede da biblioteca, a garota que entra na melhor faculdade, a garota que conta tudo para os pais ou a garota adorada pelos professores. Só preciso ficar bem com todas as garotas que são como eu."

O livro é totalmente fofo! Ele me prendeu de tal forma que foi devorado por mim em dois dias, só não terminei no mesmo dia porque tinha que trabalhar...
Me identifiquei muito com Natalie e acho que qualquer um que ler o livro vai ter a mesma sensação: como a gente sofre na adolescência! Como tudo é tão difícil! Eu ia lendo as descrições e pensando que eu também me sentia assim. Eu também fui muito orgulhosa, tive dificuldades em admitir que estava apaixonada pelo meu Connor, rsrs. Eu andava pela cidade de nariz em pé, muito senhora de mim com meu cabelo azul, mas quase morri quando perdi minha melhor amiga. 
Ler esse livro foi reviver muito da minha adolescência.

Os personagens são incríveis. Claro que minha preferida é a Natalie, mas não tem como não amar o Connor. Autumn e Spencer também me conquistaram, e apesar de parecerem o oposto uma da outra, eu achei que elas se complementam. Gostei também da srta. Bee, ela me pareceu aquelas professoras mal amadas, que vencem suas frustrações vivendo a vida de seus alunos. Deus me livre ficar assim!

Apesar de ser do selo jovem da Novo Conceito, eu recomendo esse livro para todas as idades, até para que é bem mais velho, pois é sempre muito bom se lembrar de como éramos na adolescência.
Leitura recomendada, com certeza vou guardar esse livro para meus filhos.

B-jussss! ♥
;-p


Comente com o Facebook:

18 comentários :

  1. eu estou super curiosa de ler este livro, e gostei deste selo da Novo Conceito Jovem, acho a novo conceito uma excelente editora, e cada título...
    Bem, ficamos no aguardo deste livro, e uma excelente leitura.
    Bjs
    Renata
    www.tecergirassois.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ei Nina!
    Eu quero ler este livro! Eu tb adoro leituras que me fazem lembrar a adolescência (só que eu não tinha cabelo azul rs).
    Livro já para lista ^^
    Bjins

    ResponderExcluir
  3. Oi, Nina!

    Lembrou da adolescencia também! kkkkkk

    Eu me diverti com o livro, principalmente porque já passei dessa fase, kkkkkk

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Esse livro parece ser tão bom, gostosinho de ler! Estou curiosíssima, espero poder ler logo! Eu acabei de sair da adolescência, estou só com meus 22 aninhos, mas essa intensidade era tão boa!

    Beijos
    Conjunto da Obra

    ResponderExcluir
  5. Oi Nina!!
    Faz tempo que não sou adolescente hehehe
    Mas o livro parece ser legal, quero ler!
    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  6. Ei Nina,

    Adorei a resenha ^^

    Tnha visto sobre o lançamento, mas ainda não tinha lido mais sobre ele. Adorei, vai para a lista, mas quero ler Anna e o bjo francês antes, que eu ainda não tenho tbm. rsrs

    bjos
    Nanda

    ResponderExcluir
  7. OI Nina!

    Eu li e achei super gostosinho. Com certeza é um livro leve, jovem, mas até q gostei da abordagem do tema. Acho interessante e super em pauta. Vale a pena pensar e discutir.

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e livros

    ResponderExcluir
  8. Ain, to querendo tanto esse livro.. é um dos muitos da minha gigantesca listinha de desejados.. rss

    Ótima resenhaa! ;)

    Beeijos ;*

    ResponderExcluir
  9. Oi ;)

    Adorei sua resenha!!
    Cada vez que leio falando sobre esse livro, fico com mais vontade ainda de ler!!
    Parece ser uma leitura bem agradável!!

    Bj

    ResponderExcluir
  10. Estou na super vontade de pegar logo ele pra ler. Será o próximo e pelas resenhas que venho lendo, já se que vou adorar! A sua ficou ótima, deu vontade de sair correndo pra ler rsrs

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  11. Eu já li esse livro e gostei!!
    Fiquei com raiva da Natalie na maior parte do livro, mas o final... nossa, achei muito muito muito legal! :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Nina, eu quero "Não Sou Esse Tipo de Garota" !!
    Simplesmente AMEIII o enredo do livro e acho que vai me fascinar tanto quanto sua resenha me conquistou !
    beijos ;)

    ResponderExcluir
  13. Hey Nina!
    Eu fiquei encantada com o livro. Teve um momento que eu desejei enforcar o Connor... kkk mas depois me acalmei e vi que era um bom rapaz. rs
    beijos

    Marta A.
    www.unlibrounamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Nina!!
    Sumida hein? Adorei sua visita no Meine Liege, obrigada mesmo!! *-*
    Então, recebi esse livro maravilhoso mas ainda não tive tempo de lê-lo... estou atrasada e perdendo boas histórias pelo visto!

    Realmente adolescência é uma época complicada né? Pelo menos quando a gente está vivendo-a porque depois parece um mar de rosas se comparado com a juventude, cheia de responsabilidades e tal... Eita saudade da minha adolescência, hehehe!

    Tenho certeza que vou adorar o livro! Parabéns pela resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. ei Nina,
    quero muito ler esse livro, ele tem cara de ser bem legal.
    Estou ansiosa para começar a leitura e espero gostar bastante. ^^
    beijos.

    ResponderExcluir
  16. me parece muito interessante,
    gostei muito da resenha.
    beijos
    boa semana

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados