A Garota do Calendário: Fevereiro - Audrey Carlan


CARLAN, Audrey. A Garota do Calendário: Fevereiro. Tradução Andréia Barboza. Campinas, SP: Editora Verus, 2016. 135 páginas. (Garota do Calendário, v.2). Título original: Calendar Girl: February. Skoob.

Sinopse
"Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... 
Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre."

Olá Pessoal!!
Acompanhando a saga de Mia Saunders partimos para a Seattle para acompanhar Alec Dubbois, bora lá???

Depois de um mês super quente, cheio de amor e lágrimas, Mia partiu para seu próximo cliente, e agora ela vai para Seattle ser a musa de Alec Dubbois, um pintor francês famoso e um grande artista plástico.

Alec é um garanhão, um moreno lindo e forte de cabelos compridos, que vai mostrar para nossa Mia que existem várias formas de amar.... Ainda que ele seja um pedaço de mau caminho, confesso que Wes ainda está no meu coração, e ao que tudo indica no da Mia também.

"(...)E eu daria aquilo, pois ele estava me dando alguma coisa também: a constatação de que eu era mais do que apenas a Mia irmã, filha, amiga. Eu era uma mulher. Com sentimentos, desejos, aspirações, e não apenas a soma daquilo que minha mãe deixou quando partiu."

Por mais que o livro passe um ar de apenas sexo, existem muitos temas debatidos no decorrer da história. Tem sexo sim, porque afinal quem não gosta? Mas tem conteúdo também, além de ser um enredo diferenciado.

Audrey nos presenteia com mais um livro divertido e apaixonante, mantém o ritmo da escrita e nos envolve nessa teia de dramas e homens.

Neste volume conheceremos um pouco do passado de Mia, conheceremos Mads e Gin um pouco mais e também terá a aparição de Wess, uma coisa básica, mas ainda sim ele estará presente.

Já estou ansiosa para dar sequência aos outros meses e saber como enfim essa saga da Mia será finalizada.

A Autora

Audrey Carlan escreve histórias de amor criadas para proporcionar aos leitores uma experiência sexy e romântica. Além de A garota do calendário, ela é autora das séries Falling e Trinity. Seus livros já figuraram nas listas de mais vendidos de jornais como New York Times, Washington Street Journal e USA Today.
Audrey mora na Califórnia com o marido e dois filhos. Quando não está escrevendo, ela gosta de praticar ioga, tomar uma taça de vinho com as amigas e ler romances picantes.



Comente com o Facebook:

2 comentários :

  1. Ei Kelly!
    Eu adorei esse livro, claro que o Wes ainda é o meio preferido de todos... mas esse livro foi mais tocante pelo fato de nos aprendermos junto com a Mia todas as formas de amor que existe.
    Linda resenha gatona!

    beijos
    Mayara

    ResponderExcluir
  2. Continuo achando um exagero ter feito um livro para cada mês, ao invés de agrupar os meses de 3 em 3 ou 4 em 4 em um livro só. Haja grana! Não dá pra negar que as capas são lindas e parece ter um bom conteúdo além de 'mão naquilo e aquilo na mão'', mas ainda estou receosa de ler... Verei nas próximas férias. Bj!

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados