P. S. Eu te Amo - Cecelia Ahern

AHERN, Cecelia. P. S. Eu te Amo. Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito, 2012. 365 páginas. Título Original: P. S. I Love You.
Avaliação (1 a 5) ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

"Minha amada Holly, (...)
Você é forte, corajosa e vai conseguir passar por isso. Vivemos coisas lindas juntos e você fez a minha vida... Você fez a minha vida. Não tenho arrependimentos. Mas sou apenas um capítulo na sua vida, muitos outros virão. Guarde nossas lindas lembranças, mas, por favor, não tenha medo de criar outras.
Obrigado por me dar a honra de ser minha esposa. Por tudo sou eternamente grato.
Sempre que precisar de mim, saiba que estarei com você.
Amor eterno, de seu marido e melhor amigo.
Gerry

P. S. Eu te Amo é um dos livros românticos mais poéticos e delicados que já li, e me impressionou tanto que só de estar aqui, escrevendo sobre ele, meus olhos já está marejados. Vocês sabem como sou chorona, mas dessa vez devem levar em consideração que o livro trata de um tema que dificilmente não nos comove, a dor de perder um amor.

Holly Kennedy está tentando enfrentar essa dor. Totalmente perdida, indefinida profissionalmente, despojada de seus sonhos e ideais, ele perde seu marido Gerry, não para vida, mas sim para morte, vítima de um tumor no cérebro. Sua primeira reação é se isolar em casa, enrolada no roupão de Gerry e vagando sozinha como um fantasma. Ela evita a família e os amigos e só consegue chorar, atormentada pelas lembranças do marido que estão todo o lugar.

Mas no dia de seu aniversário de 30 anos, ela recebe um pacote com 10 cartas de Gerry, uma para cada mês do ano, onde ele cumpria um promessa que tinha feito a ela brincando: escrever uma lista para ajudá-la a viver sem ele. E assim em cada envelope, Gerry vai guiando Holly de volta à vida, primeiro com pequenos conselhos como comprar um abajur, e depois ajudando-a a voltar a trabalhar e a se divertir. E cada uma dessas cartas é assinada da mesma maneira: P. S. Eu te Amo.

Além da lista de Gerry, Holly conta também com sua família (seus pais e seus 4 irmãos, especialmente Ciara e Richard) e seus amigos Sharon, Denise e Jhon. Eles vão tentar ajudá-la a reconstruir sua vida e a aprender cuidar de si sozinha. 

"No telão, ela havia visto como realmente se sentia. Perdida e sozinha. Chorou por Gerry, chorou por si mesma com soluços fortes que faziam suas costelas doerem sempre que tentava recuperar o fôlego. Não queria mais ficar sozinha e não queria que sua família visse a solidão que tentava esconder de todos. Só queria Gerry de volta e não se importava com mais nada. Não se importaria se ele voltasse e eles discutissem todos os dias, não se importaria se eles não tivessem dinheiro e nem casa. Só queria ele." (p. 123)

* * * *

É impossível não se render a esse livro. A narrativa é envolvente e muito bem construída, e consegue nos transmitir de maneira leve toda a dor que Holly sente. Eu ainda não tinha lido 30 páginas quando comecei a chorar e depois não parei mais. 

Mas não pensem que o livro é só drama, tem momentos em que damos boas risadas, como quando Gerry pede a Holly que se apresente em um karaokê ou quando os personagens assistem ao documentário de Declan. E também há momentos em que somos surpreendidos com verdadeiras lições de coragem e desprendimento. Para mim é surpreendente que uma pessoa a beira da morte, ao invés de se lamentar e se desesperar, vá primeiro se preocupar com o bem estar da esposa, que vai ficar sozinha. 

"Mire seu salto para a lua, e se não acertá-la, aterrissará entre as estrelas.
P. S. Eu te Amo..." (p. 208)

Ficou claro que o livro mexeu muito comigo. Sou casada há três anos e para mim é inimaginável a ideia de viver sem meu marido, meu melhor amigo e companheiro de todas as horas. Ele é a pessoa que está mais próxima a mim e ninguém me faria mais falta. Acho que por isso chorei tanto.
Mas por outro lado foi bom, por que me fez rever muitas das minhas atitudes, ser mais carinhosa (ainda!) e paciente com aqueles "defeitinhos" que todo mundo tem.

B-jussss! ♥
;-p







Comente com o Facebook:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados