O Despertar do Príncipe - Colleen Houck


HOUCK, Colleen. O Despertar do Príncipe. Tradução Fernanda Abreu. São Paulo: Arqueiro, 2015. 384 p. (Série Deuses do Egito v.01). Título original: Reawakened. Skoob.

Sinopse:
“Aos 17 anos, Liliana Young tem uma vida aparentemente invejável. Ela mora em um luxuoso hotel de Nova York com os pais ricos e bem-sucedidos, só usa roupas de grife, recebe uma generosa mesada e tem liberdade para explorar a cidade.
Mas para isso ela precisa seguir algumas regras: só tirar notas altas no colégio, apresentar-se adequadamente nas festas com os pais e fazer amizade apenas com quem eles aprovarem.
Um dia, na seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, Lily está pensando numa maneira de convencer os pais a deixá-la escolher a própria carreira, quando uma figura espantosa cruza o seu caminho: uma múmia — na verdade, um príncipe egípcio com poderes divinos que acaba de despertar de um sono de mil anos.
A partir daí, a vida solitária e super-regrada de Lily sofre uma reviravolta. Uma força irresistível a leva a seguir o príncipe Amon até o lendário Vale dos Reis, no Egito, em busca dos outros dois irmãos adormecidos, numa luta contra o tempo para realizar a cerimônia que é a última esperança para salvar a humanidade do maligno deus Seth.
Em “O despertar do príncipe”, Colleen Houck apresenta uma narrativa inteligente, cheia de humor e ironia. Este é o primeiro volume da aguardada série Deuses do Egito, uma aventura fascinante que vai nos transportar para cenários extraordinários e nos apresentar a criaturas fantásticas da rica mitologia egípcia.”

Vocês leram essa sinopse? É possível alguém ler algo assim e não se apaixonar? Em O Despertar do Príncipe, primeiro volume da série Deuses do Egito, Colleen Houck conseguiu juntar mitologia egípcia, aventura e uma pitadinha bem leve de romance no mesmo livro, ou seja, paixão certeira!

Para começar temos uma protagonista toda certinha, mas que não é sonsa e indefesa. Lily nasceu em berço de ouro e sempre foi cobrada pelos pais para ser a filha perfeita: ela tem que ser boa aluna, ser muito educada com todos, ter os amigos certos, frequentar os lugares certos. E ela faz isso com perfeição, mas não como uma autômata, ela aguarda o momento em que poderá se libertar do domínio dos pais e viver sua liberdade, mas até esse dia chegar, ela precisa cumprir as regras ou sofrer as consequências. Sendo assim, ela é uma garota muito quieta, mas também muito esperta, e quando ela cruza com uma múmia em seu caminho a sua reação é um misto de espanto e curiosidade, e como já não tem tanto a perder, ela mergulha de cabeça na aventura.

Já Amon é a múmia que eu queria lá em casa. Lindo, forte, moreno, corajoso e apaixonante (#suspiros). Ele foi amaldiçoado pelo deus Seth e abençoado por Anúbis, e por isso a cada mil anos ele e seus dois irmãos retornam à vida para proteger a humanidade das trevas. Mas dessa vez, Amon retornou muito longe de casa, em um museu em Nova York, e não sabe como fazer para chegar ao Egito, encontrar os irmãos e realizar a cerimônia que evitará mais uma vez que Seth domine o mundo.

Como Amon não encontra seus vasos canópicos ( recipientes utilizado no Antigo Egipto para colocar órgãos retirados do morto durante o processo de mumificação), ele precisa de um humano que doe energia para ele, e no momento, a humana mais próxima é Lily. E assim, os dois se veem ligados nessa aventura alucinante para salvar a humanidade.

Viram só? É simplesmente impossível não se render a esse livro, a historiadora aqui dava pulinhos de alegria a cada página. Como Amon desperta em um tempo completamente diferente de tudo o que já viu ou viveu (pensem no quanto o mundo mudou nos últimos mil anos) Lily precisa explicar para ele o funcionamento de tudo, ao mesmo tempo em que o príncipe egípcio também fala muito sobre o mundo em sua época. Dessa forma, temos diálogos hilários sobre a nossa sociedade, e muitos esclarecedores sobre o Egito Antigo. A política, a religião, a sociedade e os costumes do Egito vão surgindo aos poucos no desenrolar da enredo, e mesmo que você deteste estudar História, vai acabar aprendendo mesmo sem querer. Não pensem que por isso o livro se torna um amontoado de explicações enfadonhas, muito pelo contrário, é tudo tão natural na enredo que a gente mal percebe, na verdade acho até que a autora poderia ter explorado mais a mitologia e a cultura egípcia antiga.

Eu ainda não tinha lido nada Colleen Houck mesmo com a série A Maldição do Tigre sendo tão aclamada, e essa primeira experiência foi incrível! A narrativa é ágil e a leitura rápida, os personagens são bem construídos, coerentes e muito apaixonantes! Amon é incrível e eu me peguei suspirando por ele em vários momentos, devo dizer que ele chegou a ameaçar o eterno primeiro lugar de Jamie Fraser no Top Piriguetagem Literária.

O enredo é muito bem articulado e conduzido com maestria por Houck, todas as informações e acontecimentos são bem amarrados e fazem muito sentido. Tipo, ninguém sai do taxi sem pagar, a comida não aparece do nada, eles tomam banho, vão ao banheiro e até dormem - digo isso porque me incomoda muito os livros em que personagens saem pelo mundo com uma mão na frente e outra atrás e não comem nunca! Os acontecimentos se sucedem com um ritmo alucinante, é susto e tensão o tempo todo e a gente não tem tempo para ficar entediado nessa leitura. O final é de tirar o fôlego, e se já tivesse a continuação, eu tinha emendado um volume no outro.

Enfim, o livro é maravilhoso, cinco estrelas e favoritado com certeza! Recomendo para todo mundo que gosta de livros de aventura com toquezinho de romance. E para quem não gosta também, porque lendo esse vai aprender a gostar! ☺

A Autora

Colleen Houck é uma leitora voraz que adora títulos de ação, aventuras, temas paranormais, ficção científica e romance. Ela entrou para a lista de livros mais vendidos do The New York Times com a sua primeira série, A Maldição do Tigre, que já vendeu mais de 500 mil exemplares no Brasil. A obra teve os direitos adquiridos pela Paramount Pictures e deve cegar ao cinema em breve. Colleen estudou na Universidade do Arizona e trabalhou como intérprete de língua de sinais durante 17 anos. Era me Salem, no Oregon, com o marido e uma imensa coleção de tigres de pelúcia.

Avaliação (5/5)






B-jusssss! ♥
;-p

Comente com o Facebook:

34 comentários :

  1. Pausa Para Pitacos16 de outubro de 2015 14:23

    Hey Nina!
    Vc acaba de resenhar o livro mais desejado por essa pequena pessoa que vos fala!
    Eu adoro a narrativa da Colleen... A "saga dos tigres" está entre as minhas favoritas exatamente por isso. Outro fator é que ela mergulha na história e a conta de uma forma envolvente e apaixonante. E pra fechar com chave de ouro, ela criou Kishan (aiaiiii... suspiros!).
    Sua resenha ficou muito muito incrível!
    Depois que eu ler volto pra te contar o que eu achei!
    Beijos!

    Fabi Carvalhais
    pausaparapitacos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Amei a resenha e quero muito ler este livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Nina! Nossa que resenha incrível! Eu já estava querendo ler "O Despertar do Príncipe", agora estou ainda mais! Adorei! Beijos!


    eicarolleia.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Olá!


    Apesar da sua resenha muito positiva, estou passando longe da Colleen. Eu li A Maldição do Tigre e achei cansativa demais. Pouca história, alguma cultura e muita enrolação. Estou traumatizada. Dificilmente lerei esse.


    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Nina, eu sou tão lesada que quando vi o livro não pedi porque achei que a história fosse chata e hoje me arrependo amargamente. ¬¬
    Amo mitologia e perdi um prato cheio, mas ainda irei fazer essa leitura. Quem sabe quando tiver mais perto da continuação.
    Também gostei da mocinha não ababacada.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  6. Apesar de nao curtir/saber mitologia, eu adorei a premissa desse livro e assim que eu tiver uma oportunidade o lerei
    Beijos
    http://myself-here1.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  7. Oieeee, eu quero muito esse livro. A sua resenha é a primeira que eu leio dele e me deixou ainda mais curiosa, é muita emoção e quero ler o mais rápido possível

    ResponderExcluir
  8. Helio de Oliveira e Souza17 de outubro de 2015 10:48

    Este livro e cheio de aventura e emoção e tem um casal apaixonante para amarrar a historia e muito empolgante ver que a autora fez mais uma serie incrível de ser lida .

    ResponderExcluir
  9. Oi!

    Eu quero muito esse livro (desesperadamente) mas confesso que estou esperando a tia Colleen escrever e publicar o 2 primeiro hahahahaha.

    A temática desse livro é incrível, e imagino as cenas hilárias que tem dela tentando explicar o mundo novo pra ele, já que tudo mudou né..

    E sobre a questão de aprender, acho isso fnatástico, pois adoro essas questões históricas, e pelo jeito a pesquisa da autora foi muito completa.

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Nina!
    Ahhhhhh ainda não li esse livro! Estou tão atrasada que nas leituras que estou até desanimada ...

    Bjks!

    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
  11. Eu já conheço a escrita da autora e curto bastante, infelizmente, ainda não tive o prazer de apreciar sua nova obra, mas fiquei bastante interessada, inclusive pelo contexto em que a obra está inserida.

    ResponderExcluir
  12. Oi Nina, eu já tive o prazer de ler o livro,
    Foi meu primeiro contato com a autora e eu simplesmente adorei.
    Estou super ansiosa pela sequência.
    beijos

    ResponderExcluir
  13. oie como vai?
    eu inicie a leitura dele ontem mas confesso que ainda estou penando em me prender na leitura, deve ser o desanimo que ando tendo kkkkk mas adorei kkk sério, adorei seu ponto sobre as coisas serem realistas e isso me incomoda também.

    ResponderExcluir
  14. Ana Paula Lima Miranda17 de outubro de 2015 22:41

    Oiii!!

    EU ainda não li nada da autora, mas a paixão começa pela capa não é mesmo? HSUAHUSA Ela é liiinda!

    Eu só li resenha positiva para a obra e tenho certeza que assim que tiver a oportunidade eu vou ler com certeza :D

    A sua resenha ficou linda e você demonstrou todo seu carinho com a obra!

    Beijinhos,

    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem ?

    Ainda não tive chances de ler nada de autoria da Collenn Houck, mas vejo que seus livros vem fazendo um sucesso imenso por aí e que uma hora ou outra terei que me arriscar. Esse livro, em especial, tem recebido resenhas bem positivas, então já entrou para minha lista ;)

    ResponderExcluir
  16. Participo da discussão sim.. Hahahaha
    Então, também não li a maldição do tigre ainda, na verdade não me enterrado por ler, e acho que vou dar mais um esperada pra ver se invisto no despertar da múmia thelicia mesmo com essa sua resenha apaixonada, rs.
    P.S: na parte "Já Amon é a múmia que eu queria lá em casa", eu morri
    Hahahaha
    Tay do Let It Shine

    ResponderExcluir
  17. Oie! Tudo bem?
    Você é historiadora? Que legal! Não sabia. Enfim, eu vi esse livro no catálogo da Arqueiro e me interessei, mas, deixei a oportunidade passar porque pedi um outro livro (que no final acabei nem gostando) e depois de ler sua resenha vejo a possibilidade de ter perdido uma grande leitura. Mas nunca é tarde pra voltar atrás, né?! =P Quem sabe um dia desses eu não leia essa obra...


    Beijos.


    www.livroseflores.com

    ResponderExcluir
  18. Oi Nina, que bom ver que você gostou muito do livro! Desde o lançamento dele eu tenho vontade de lê-lo, parece ter uma trama contagiante, e eu morro de curiosidade de conhecer a escrita da autora. Já está na minha lista!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  19. Oii,
    Assim como você disse, impossível não se interessar pelo livro.
    Achei que a história pode ser bem envolvente. Parabéns pela resenha.


    beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi Nina, tudo bem?
    Sua resenha está perfeita! Fiquei até com vergonha da que eu fiz sobre esse livro, rs. Eu também ameeeeeeeei a leitura dele, mesmo não sendo um favorito, mas ao contrário de você, já li a Saga do Tigre, que é uma das minhas queridinhas. Eu prefiro o Asten do que o Amon, mas todos são apaixonantes. Não vejo a hora de sair o próximo volume. Leia a Saga do Tigre, mas não compare demais, porque em O Despertar do Príncipe a autora evoluiu bastante na escrita e em história, aí você pode acabar não gostando tanto assim.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  21. Natasmi Pacheco Cortez18 de outubro de 2015 22:40

    Ainnnnn ❤ Collen Houck Diva

    Fui na sessão de autógrafos dela aqui em SP, mas ainda não tive a oportunidade de ler O Despertar do Príncipe ( porque vou morrer de amores e ainda não tem a continuação)... Sua resenha só fez eu ter certeza disso: Vou amar :)

    Também pensei à respeito da Saga A Maldição dos Tigres, fiquei com medo de ela se perder um pouco. Mas a Collen tem talento de sobra.

    Abraço e Bons Livros Sempre,

    Biblioteca do
    Coração❤

    ResponderExcluir
  22. Também fico perdida quando os personagens não comem ou não pagam nada, kkk. Fico tipo: WTF?
    Que bom que a autora conseguiu construir uma narrativa rica em detalhes sem ficar enrolado ou massante. Quero muito ler esse livro e espero fazer isso ainda esse ano. Adorei a resenha :)

    ResponderExcluir
  23. Oi Nina!

    Vou te pedir mil desculpas, mas não li uma linha da sua resenha. Calma, não me mata ainda!

    Esse é um livro que eu estava esperando muito, e que eu estou tentando deixar minhas expectativas no 0 para não me decepcionar caso não goste muito. Por enquanto está funcionando, pois não vi sequer um comentário do livro. Por isso não li sua resenha, pois sendo positiva ou negativa iria me afetar.

    Mas pode deixar que quando eu ler o livro irei comentar com você o que achei.

    Beijos

    http://ummundochamadolivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  24. Ninaaaaaa
    Sabia que vicê ia amar! E eu também queria um Amon na minha casa kkkkkk oh Mumia divina essa viu!!!
    Não vejo a hora de sair os outros para eu me deliciar com mais aventuras das mumias!!!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  25. Oii Nina que resenhaa!!! Minha nossa!!!
    Eu quero muito ler esse livro, achei bem diferente e assim como você ainda não li nada da Collen, espero ter a oportunidade de ler esse livro que você me deixou enfeitiçada hahahaa

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  26. Olá Nina! Bem eu tava falando do outro da Colleen e não gostei, mas já vi uma resenha hoje e agora outra, então acho que vou dar uma chance pra autora com outros livros dela, tenho esse então acho que vou começar por ele mesmo.
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br/
    Xoxo

    ResponderExcluir
  27. Olá, Nina! Tudo bom?

    Também já li O despertar do príncipe e super gostei, só não tanto quanto tu.

    Adorei aprender um pouco mais da mitoologia egípcia e o Amon é um amor, um verdadeiro Deus mesmo, né? sdjfçaskd

    Adorei a resenha!! Beijão,

    www.entreleitores.com

    ResponderExcluir
  28. Olá!

    Segunda resenha que leio do livro e fico muito curiosa, se eu tivesse lido ontem essa resenha teria comprado o livro ontem mesmo, pois estava em promoção do submarino!
    Estou curiosa com a narrativa da Colleen, ainda não tive oportunidade de ler nada da autora, tenho o primeiro livro da sga do tigre mas sempre adio a a leitura. Talvez comece por esse! Quero conhecer Amon e os outros príncipes!

    Beijos!

    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Miguel Prado Flores21 de outubro de 2015 21:53

    Eu particularmente gostei bastante de estudar sobre o egito na escola e tenho muito medo de estragar essas lembranças se eu ler este livro com muitas expectativas e no fim não gostar, e além de tudo isso tenho um pé muito atrás com essa autora! Eu comecei a ler na livraria o primeiro da outra coleção e não comprei por que não consegui acabar de ler o primeiro capítulo. Espero que essa fase passe e eu leia alguma coisa dela

    Abraços, Miguel do Demasiadamente Lendo

    ResponderExcluir
  30. Olá, já li tantas resenhas deste livro que estou curiosa quanto a história. Lendo a sinopse parece ser meio sem cabimento, mas daria uma chance sim.

    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  31. Oi, tudo bem?

    Olha, eu estava muuuito animada para ler o livro e as expectativas estavam lá nos céus, sabe? Por isso acabei me decepcionando um pouco, achei a história muito bem construída, mas o romance não conseguiu me agradar e a Lily não me conquistou muito :/

    Beijos :*

    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Oie, tudo bom?

    Nunca li Colleen Houck, mas tenho vontade de conhecer a escrita dessa autora. O que mais chama minha atenção nesse livro é o caráter histórico da narrativa e o fato de ter mitologia egípcia. Sua resenha só acrescentou mais elogios a obra e espero ter a mesma experiência positiva com esse enredo bem construído.

    Beijos,

    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Olá

    Nunca li nada da autora, gosto de livros de aventura, quero ver como a autora conduz a história, vejo muita gente falado bem, gostei da sua resenha.

    Bjss

    ResponderExcluir
  34. Oi Nina!
    Acho que já nos falamos bem sobre esse livro. Por mais legal que essa coisa toda de Egito seja e como a autora levou isso pelo livro, que foi ótimo, a Lilly não me convenceu! Ai que ódio daquela menina, se eu fosse ela já estava conquistando o mundo com o Amon... Pra mim, não rolou muito!!

    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados