Como Se Apaixonar - Cecelia Ahern


AHERN, Cecelia. Como se apaixonar. Ribeirão Preto, SP: Editora Novo Conceito, 2015. 352 páginas. Titulo original How to fall in love.

Sinopse
“Momentos são preciosos; às vezes eles se demoram e, em outras ocasiões, são passageiros, mas, ainda assim, muito pode ser feito durante eles; você pode mudar de ideia, pode salvar uma vida e pode até se apaixonar.”
Depois de não conseguir evitar que um homem acabasse com a própria vida, Christine passa a refletir sobre o quanto é importante ser feliz. Por isso, ela desiste de seu casamento sem amor e aplica as técnicas aprendidas em livros de autoajuda para viver melhor.Adam não está em um momento muito bom, e a única saída que ele encontra para a solução de seus problemas é acabar com sua vida. Mas, para a sorte de Adam, Christine aparece para transformar sua existência, ou pelo menos tentar ajudá-lo.
Ela tem duas semanas para fazer com que Adam reveja seus conceitos de felicidade. Será que ele vai voltar a se apaixonar pela própria vida?

Alguém pode me explica porque demorei tanto para ler esse livro?
Eu sempre amo tudo que leio da Cecelia - absolutamente tudo! - e com esse livro eu foi postergando, passando outros na frente, e quando vi ele estava lá, esquecido na estante. Até que, por um acaso do destino, ele parou nas minhas mãos e eu tive dias deliciosos lendo!

Existe uma coisa totalmente previsível e clichê nesse tipo de livro, que incomoda um pouco mas que não chega a atrapalhar a leitura. Eu confesso que até gosto dessa previsibilidade, desse conforto de saber exatamente o tipo de leitura que tenho nas mãos, e é bem essa a sensação de ler Como Se Apaixonar, você sabe o que vai encontrar e não vai se decepcionar. E tirando os chavões, não ha nada capaz de decepcionar nessa história.

Esse livro tem um item que o diferencia das demais obras de Cecelia: ele trata de um tema bem sombrio, o suicídio, de uma maneira madura e sem romantizá-lo. Em geral, os romances dela são leves e divertidos, até mesmo PS. Eu Te Amo, campeão absoluto de lágrimas é assim. Mas em Como Se Apaixonar, o tema é visceral, latente; a tristeza que Adam enfrenta, a ponto de preferir a morte a continuar lutando, é perturbadora. Por outro lado, a fé de Christine e a certeza que ela tem de que a vida pode melhorar é inspiradora.

Mais uma vez a narrativa de Cecelia é um presente! Encantadora, leve e fluída, nos faz querer devorar o livro. Além disso, ela sempre consegue por um pouco de magia em seus romances fazendo com que eles se pareçam com um contos de fadas moderno. E não é diferente nesse livro, que se tornou um dos meus preferidos dela.

Recomendo muito a leitura! Se você está meio triste, de mau humor, esse livro lhe trará uma lição e tanto e te ajudará a ver a vida com um olhar positivo.

A Autora

Cecelia Ahern é irlandesa e formou-se em Jornalismo e Meios de Comunicação. Aos 21 anos escreveu seu primeiro romance, P.S. Eu te Amo, que se tornou best-seller imediatamente e foi adaptado para o cinema — assim como Simplesmente Acontece. A Lista, O Presente, O Livro do Amanhã e A Vez da Minha Vida também são best-sellers em todo o mundo. As obras de Cecelia Ahern são publicadas em 46 países e já venderam, ao todo, mais de 13 milhões de cópias. Ela vive em Dublin com sua família.

Avaliação (5/5)






B-jussssss! ♥
;-p

3 comentários:

  1. Blog Entre Aspas7 de julho de 2016 08:43

    Oi, Nina! Eu também costumo gostar bastante da escrita da Cecelia, apesar de não ter curtido muito "O livro do amanhã", por exemplo. Não conhecia "Como se apaixonar" e gostei bastante da premissa. Geralmente esses temas mais densos me atraem. Bom saber que, apesar do tema mais pesado, o livro passa uma mensagem boa e otimista.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  2. Oi Nina, sua linda, tudo bem?
    Eu adoro clichês, não me incomodo e às vezes é exatamente esse tipo de liro que queremos ler. É muito triste quando alguém decide desistir de sua vida, não lutar, não enfrentar seus problemas. Tomara que a personagem mostre a ele que vale a pena sim, e que com o seu amor lhe salve. Não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  3. Olá flor, confesso que romance não é meu gênero preferido, mas gostei da resenha, uma narrativa bem elaborada chama bastante minha atenção. Quero conferir, obrigada pela dica!

    Abraços

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p