Gritos no Silêncio - Angela Marsons


MARSONS, Angela. Gritos no Silêncio. Tradução Marcelo Hauck. Belo Horizonte: Editora Gutenberg, 2018. 320 p. (Detetive Kim Stone v.1). Título original: Silent Scream. Skoob. Comprar.

Sinopse

Os segredos mais obscuros não podem ficar enterrados para sempre…

Na escuridão da noite, cinco figuras se revezam para cavar uma sepultura, um pequeno buraco em que enterram os restos de uma vida inocente. Ninguém diz nada, e um pacto de sangue os une…
Anos mais tarde, Teresa Wyatt é brutalmente assassinada na banheira da sua casa, e, depois disso, mais mortes violentas começam a acontecer. Todas as vítimas têm algo em comum, e a detetive que encabeça o caso, Kim Stone, logo percebe que a chave para deter o assassino que está semeando o pânico na cidade é resolver um crime do passado.
Só o que ela sabe é que alguém esconde um segredo e está disposto a fazer qualquer coisa para que nada seja revelado.

Para quem não lia thrillers acho até que estou me saindo muito bem! Esse é o sétimo do gênero que leio em 2018 e sinto que estou pegando gosto pela coisa. Ainda fico incomodada com as cenas de violência e as descrições dos crimes, mas confesso que todo esse clima de suspense e mistério me pegou de jeito, por isso não hesitei em começar mais uma série do estilo.

Gritos no Silêncio é o primeiro livro da série Detetive Kim Stone, que já conta com oito livros publicados no exterior. Mas os livros são, de certa forma, independentes pois cada um conta um caso diferente investigado pela detetive, mas sempre com alguma revelação importante sobre seu passado.

O enredo fala sobre cinco pessoas que, numa noite, enterram um corpo numa cova perto de um orfanato e fazem um pacto de silêncio. Anos depois, uma dessas pessoas é assassinada e as outras quatro se sentem ameaçadas por aquele que parece ser um assassino em série, ou alguém querendo resgatar o passado. Kim Stone, uma detetive durona e muito girl power vai investigar o crime, no entanto, ela também tem contas a acertar com seu passado.

É claro que por se tratar de um livro de suspense e mistério, não dá para revelar muito do enredo, mas garanto para vocês que é surpreendente! A narrativa em terceira pessoa e os capítulos curtos deixam a leitura bem ágil. Além disso, todos os capítulos terminam com um gancho para o próximo, ficando quase impossível largar o livro. Angela Marsons tem um estilo de escrita muito peculiar, ao mesmo tempo em que nos embrulha o estômago com descrições sangrentas, consegue nos arrancar gargalhadas com diálogos perspicazes e personagens únicos.

Esse era o problema das viagens ao passado. Todas as memórias felizes levavam à tragédia e à perda. Razão pela qual não as visitava com tanta frequência.

Falando em personagens, o fato dela ter conseguido criar uma trama com tantos personagens sem dar um nó na nossa cabeça já é um mérito em tanto. Mas todo o foco está em Kim e sua personalidade forte e intrigante. Ela é uma mulher independente e cabeça dura, que não mede esforços para alcançar seus objetivos. E, conforme a leitura avança, vamos conhecendo melhor seu passado e seus traumas e nos identificando com ela.

No entanto, algumas limitações da obra me incomodaram um pouco. Primeiro é que, com tantos personagens envolvidos no enredo, a autora não teve tempo para desenvolver nenhum outro além da protagonista, o que foi uma pena já que alguns pareciam bem interessantes. Outro ponto é que alguns capítulos são narrados pelo(a) criminoso(a) e recontam cenas que já conhecemos pela ótica dele(a). Isso deu muito certo em A Boa Filha, da Karin Slaughter, mas aqui ficou chato e meio repetitivo porque acrescentou muito pouco à história.

Mas esses detalhes não tiram o brilho da história. O mistério é de fácil solução e eu matei rapidinho quem era o criminoso, mas o enredo cheio de reviravoltas nos deixa refém do livro a última página. 

A Autora

Angela Marsons descobriu seu amor pela escrita na escola quando seus trabalhos ficaram em segundo plano para ela observar outras pessoas e criar suas próprias histórias. Em seu boletim sempre estava escrito: “Angela se daria bem se ela se importasse tanto com os trabalhos como se importa com os outros”.
Após anos escrevendo histórias baseadas em relacionamentos (The Forgotten Woman and Dear Mother) Marsons voltou-se para o Crime, ficcionalmente falando, é claro, e desenvolveu um personagem que se recusou a ir embora.
Ela assinou a série Kim Stone com a Bookouture.com para um total de 16 livros, que já foram traduzidos para mais de 27 países.
Angela Marsosn mora em Black Country com seu parceiro, um atrevido Golden Retriever e um papagaio.

Avaliação (3/5)




B-jussss! ♥
;-p


6 comentários:

  1. Que estonteante! Apesar de alguns pontos que você destacou, vou assim correr atrás desse livro fantástico! Amo mistérios com aquele toque de suspense, acredito que o assassino além de ardiloso é inteligente o bastante para planejar cada ataque para que nunca seja descoberto. Como a detetive resolverá esse impasse? Curiosidade explodiu!
    Abraços! 😊

    ResponderExcluir
  2. Oi, Nina!
    Esse gênero literário é o meu preferido e adorei ver que você gostou dessa leitura, eu li esse livro recentemente e achei sensacional. Eu adoro quando alguns capítulos são narrados pelo criminoso e ao contrário de você eu gostei muito de como a autora os inseriu no livro, fiquei chocada a cada vez que aparecia como ele matou uma garota e com a brutalidade do ato.

    ResponderExcluir
  3. Olá! Nossa, estava numa expectativa bem grande sobre esse livro, e agora fiquei um pouquinho menos empolgada.. Amo esse gênero literário, e embora não tenha sido uma leitora tão proveitosa assim, quero muito ler! Claro que não vou ir com sede demais, mas quero muito conhecer a história!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Estou bem intrigada com a premissa desse livro e como eu sou apaixonada pelo gênero ele já está na minha lista sua resenha me deixou ainda mais curiosa para ler esse livro dica anotada

    ResponderExcluir
  5. Nossa eu to super curiosa sobre esse livro! Até a capa dele chama atenção, acho que tudo nele é bem curioso, capa, sinopse,nome, trechos dele, narrativa...Tudo! Rsrsrsr

    Fiquei surpresa pela nota dele, mas aidna estou com vontade de ler. Obrigada pelo post! Resenha sempre são de grande ajuda ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Amei sua resenha. Conferir suas impressões é sempre uma experiência mega positiva.
    Parabéns pela leitura e valeu pela dica.
    Estou voltando aos poucos a ler suspense e estou anotando sua dica aqui.
    Valeu mesmo. Beijos

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p