A Menina da Neve - Eowyn Ivey


IVEY, Eowyn. A Menina da Neve. Tradução Paulo Polzonoff Junior. Ribeirão Preto, SP: Editora Novo Conceito, 2015. 352 páginas. Titulo original: The snow child. Skoob.

Sinopse:
Alasca, 1920: um lugar especialmente difícil para os recém-chegados Jack e Mabel. Sem filhos, eles estão se afastando cada vez mais um do outro. Em um dos raros momentos juntos, durante a primeira nevasca da temporada, eles constroem uma criança feita de neve. Na manhã seguinte, a criança de neve some. Dias depois, eles avistam uma criança loira correndo por entre as árvores. Uma menina que parece não ser de verdade, acompanhada de uma raposa vermelha e que, de alguma formam consegue sobreviver sozinha no frio e rigoroso inverno do Alasca. Enquanto Jack e Mabel se esforçam para entender esta criança que parece saída das páginas de um conto de fadas, eles começam a amá-la como se fosse sua própria filha. No entanto, nesse lugar bonito e sombrio, as coisas raramente são como aparentam, e o que eles aprenderão sobre essa misteriosa menina irá transformar a vida de todos.

Depois que li os primeiros capítulos disponibilizados pela editora, fiquei por semanas curiosa com a continuação da história e que rumo ela levaria. Jack e Mabel passaram por momentos muito tristes e são personagens levemente melancólicos. Fugindo da vida que levavam e das cobranças com relação aos filhos, os dois se mudam para o Alasca com o sonho de cuidar da terra, mas infelizmente o lugar para onde se mudaram é inóspito e absurdamente frio e Jack passa a maior parte do tempo no campo, deixando Mabel sozinha em casa.

Por muitas páginas, você é apresentado ao casal principal e, aos poucos, vai se sentindo como eles, sozinhos, preocupados, com frio... E então, somos apresentados a outros personagens como Esther, uma mulher forte, decidida e mãe de três meninos. Um desses garotos, o caçula chamado Garret que é apaixonado por caça e a vida livre que tem no Alasca, vai ser muito importante para a história.

Quando Mabel e Jack fazem um boneco de neve e, na manhã seguinte, o boneco acaba sumindo e a neve fica cheia de pegadas, os dois ficam muito curiosos com o que realmente aconteceu e nós ficamos também, então começamos a ser apresentados, aos poucos, a menina da neve propriamente dita.

Conforme conhecemos a menina que Jack e Mabel chamam de Faina e, conforme conhecemos mais da garota, começamos a nos perguntar o que vai acontecer com eles? Essa garota é ou não é de verdade? É tudo invenção da cabeça dos dois já que mais ninguém vê essa garota?

Acho que foram essas perguntas que me fizeram continuar a leitura e tentar descobrir tudo o que iria acontecer com a menina, Jack, Mabel e os outros personagens, e entender se aquilo tudo foi verdade, se a garota era de neve mesmo ou se eu também estava sofrendo da febre da cabana.

Esperava que o livro tomasse um outro rumo, que a história fosse em um caminho diferente, mas o livro não é meu, não fui eu quem escreveu e tive que aceitar o caminho que a autora acabou escolhendo para os personagens.

A Menina da Neve é uma história linda, sensível e inspirada em um conto de fadas russo sobre um casal que cria um boneco de neve e o boneco cria vida. Enfim, o livro é um relato lindo sobre amor, luto e esperança com uma escrita maravilhosa, sensível e ao mesmo tempo dramática.

A Autora

Eowyn Ivey mudou-se para o Alasca ainda pequena e continua vivendo por lá com seu marido e duas filhas. Formou-se com honras em Jornalismo pela Universidade de Western em Washington e fez pós-graduação em Escrita Criativa pela Alaska Anchorage. A Menina da Neve é seu livro de estreia e foi finalista na categoria ficção do Prêmio Pulitzer, em 2013.

Avaliação (4/5)






B-jusssssss! ♥
;-p

12 comentários:

  1. Esse livro é triste e feliz ao mesmo tempo.

    Achei que autora soube dar uma história legal para a lenda da menina.

    Beijinhos, Helana ♥

    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Oie,

    Só vejo comentários positivos sobre esse livro e a cada um eu fico com mais curiosidade em lê-lo parece um história comovente e linda ao mesmo tempo. Espero lê-lo em breve.

    Bjs
    Mayla

    http://lendocomamay.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi!

    Eu tô doida pra ler esse livro. Sempre que leio uma resenha sobre ele minha vontade aumenta. Sem contar que a capa é linda (sim, sou dessas que se apaixona por um livro por conta da capa).

    Beijos

    http://tudoqueeuli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Nina, eu tenho esse livro aqui e só não peguei por falta de tempo mesmo, porque estou doida para conferir mais dessa história. Eu amo conto de fadas e esse parece ser muito cativante.

    Ótima resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?

    Estou com esse livro aqui em casa para ser lido, acho a capa bem linda, a premissa interessante, esse mistério que cerca a história é que nos ira fazer ir até o fim, gosto assim.

    Ótima resenha,

    http://marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Também achei que o livro fosse por um caminho completamente diferente, de jeito nenhum eu esperava que o foco não fosse na questão da menina ser ou não real, então acabei me decepcionando com a leitura. Nem consegui me sentir como o casal principal não, tive vários problemas com o livro. Concordo que seja uma história linda e sensível, mas não atendeu às minhas expectativas.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. A cada resenha que leio, acredito que quando chegar minha vez, irei gostar muito da leitura, não irei criar expectativas, quer dizer antes de ler...rs
    Vamos ver no que vai dar.

    Beijos

    Viviana
    Blog Mães Perfeitas e Imperfeitas

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?

    Gostei muito da resenha, eu estava louco para ler esse livro, agora tenho a certeza que lerei. Independente da sua note ao livro, já estou decidido que lerei kkk <3

    http://desencaixados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Maisa Evelyn Pires11 de janeiro de 2016 11:13

    Olá Nina!

    A história parece ser muito boa e cativante, mas não está numa da milhões de metas que crio para eu mesma rs.

    Gostei da forma como descreveu o livro, sem spoiller.

    Beijos, Maisa.

    Reino Literário Br

    ResponderExcluir
  10. Oi Nina!

    Eu tenho muita curiosidade em ler esse livro. Lembro que na época do lançamento eu fiquei em cólicas de ansiedade, mas decidi esperar mais um pouco para ver as resenhas. Acabei desanimando e, depois, me animei de novo. hahaha Pretendo ler esse ano e espero gostar!

    Dá pra perceber que a história é bem emocionante e envolvente, afinal como não querer saber se a garota é mesmo o bonequinho de neve que eles criaram. Quanto ao final, pelo visto não agradou a muita gente. Fiquei curiosa pra saber que rumo vc daria.

    Beijos

    http://www.skoob.com.br/a-protegida-534049ed542825.html

    ResponderExcluir
  11. A Novo Conceito arrasou na capa, diagramação e divulgação do livro que me deixou tão empolgada com a história que não via a hora de o livro chegar por aqui... Acontece que infelizmente ele não aconteceu para mim. Não sei por que mas a história não me ganhou e eu acabei desistindo.
    E sabe o que é o mais engraçado? Ler sua resenha me deu vontade de ler o livro... Acho que é aquele tipo que é melhor as pessoas falando dele do que ele...rs
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p