O Amor Mora ao Lado – Debbie Macomber

MACOMBER, Debbie. O amor mora ao lado. Ribeirão Preto, SP: Editora Novo Conceito, 2013. 160 páginas. Título Original: Family affair.
Avaliação (1 a 5) ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

“Lacey não estava muito interessada em criações, mas parecia algo que deveria tentar. Ela queria companhia, e, depois de seu casamento desastroso, não queria mais saber de homens em sua vida. Um gato não mentiria para ela, não a trairia nem a faria sofrer. Peter, no entanto, havia feito tudo isso com uma precisão cirúrgica.” (p. 10)

Lacey Lancaster acabou de sair de um divórcio bastante doloroso e a última coisa que ela quer é a companhia masculina. Resolvida a se manter o mais afastada possível dos homens, ela decide que o melhor para si é viver sozinha. Ela se muda de cidade, aluga um apartamento e encontra um emprego em uma área que ama (decoração). Sua única companhia é Cléo, uma gata abissínia que ela comprou num rompante e que agora se tornou sua grande paixão.

Para ela a vida estaria perfeita assim, se não fosse por seu vizinho Jack Walker. Ele está sempre aos berros com a namorada, ou correndo atrás de Cão, o gato vira-lata que ele cria. Isso quando não tenta assediá-la com flores ou convites para sair. Um homem insuportável!

Mas Lacey sabe como os homens são capazes de enganar, e não vai arriscar se machucar novamente, e por isso, se manterá bem longe dos avanços de Jack. Mas parece que Cléo não tem a mesma opinião, já que se rendeu a Cão e agora está prenha – uma responsabilidade que ela não vai encarar sozinha, mas não mesmo!

* * * * *

Quando vi que a NC lançaria mais um livro da Debbie Macomber eu enlouqueci. Quem me conhece sabe que adoro animais, e um livro onde dois gatos eram os responsáveis pelo encontro do casal com certeza me atrai. Sem contar que a capa é linda!

O livro é narrado em terceiro pessoa, sob o ponto de vista da Lacey, então tudo que sabemos a respeito do enredo é ela quem nos diz. É claro que fica bem óbvio que ela ela está equivocada em relação a Jack, mas é interessante ver como ela se recusa a aceitar que está enganada e prefere ficar com a facilidade da primeira impressão.

Muitas vezes julgamos sem conhecer e é exatamente o que a personagem faz. Ela está magoada, machucada pelo seu divórcio e a traição do ex marido, então para ela todo homem é canalha. E por isso, ela reluta em aceitar a amizade de Jack e perde meses de felicidade. E o pior, ela usa o mesmo julgamento “pré concebido” com seu chefe, e isso a impede de conseguir seu merecido aumento de salário.

A narrativa de Debbie Macomber é deliciosa. Desde que li A Pousada Rose Harbor eu fiquei encantada com a autora. Ela escreve de maneira leve e despretenciosa, e a gente fica com aquela sensação de que está batendo papo com uma amiga, ouvindo contar uma história que poderia ter acontecido com qualquer um de nós.

Outro ponto que precisa ser lembrado, é o capricho que a editora teve com a edição do livro. Como sempre, a Novo Conceito fez um belo trabalho, a capa é linda é muito coerente com a história, e as páginas são enfeitadas com gatinhos, uma belezinha!



Recomendo o livro para qualquer um que goste de uma história bem contada, mas sem muitas reviravoltas. A história é bem leve, mas é também muito previsível, e se você gosta de emoções fortes esse não é o seu livro. Mas se você quer só passar uma horinha agradável (afinal são só 160 páginas), a diversão é garantida.

Debbie Macomber é uma das principais vozes femininas na literatura norte-americana.
Sete de seus romances chegaram ao primeiro lugar da lista de mais vendidos do The New York Times, com três deles estreando em primeiro lugar nas listas do The New York Times, do USA Today e do Publishers Weekly. Debbie vendeu mais de 160 milhões de cópias de seus livros em todo o mundo.


B-jusssss! ♥
;-p

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados