A Lista - Cecelia Ahern


AHERN, Cecelia. A Lista. Tradução Amanda Moura. Ribeirão Preto, SP: Editora Novo Conceito, 2015. 384 páginas. Título original: One hundred names. Skoob.

Sinopse:
“Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.
Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira.
Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.”

Sou muito fã de Cecelia Ahern, e me emociono demais com seus livros. Quando li P.S. Eu Te Amo achei que ia precisar de um lençol para enxugar as lágrimas, porque eu não conseguia parar de chorar. O Presente também foi assim, uma história super singela e previsível, mas que conseguiu me comover demais. O mesmo foi com A Vez da Minha Vida e O Livro do Amanhã, que tiveram uma pegada sobrenatural surpreendente. A única exceção foi Simplesmente Acontece, que foi uma mega decepção. Mas mesmo assim, eu estava ansiosa para ler A Lista e tirar a prova dos nove: Cecelia é diva ou não é?

Kitty Logan é uma jovem jornalista que está vendo sua vida desmoronar. Ela fez uma reportagem bombástica acusando um professor de assédio sexual, mas quando ele provou inocência, ela perdeu seu cargo na TV, sem contar que destruiu a vida de um homem inocente.

Como consequência, sua casa virou alvo de vândalos que estão sempre sujando sua porta, a ponto do proprietário querer despejá-la e seu emprego na Revista Etecetera também está ameaçado. E para piorar ainda mais, Constance, sua melhor amiga, mentora e dona da revista, morre vítima de uma câncer. Mas antes de partir, ela deixa para Kitty uma lista com cem nomes e diz que é uma ideia de reportagem que ela sempre quis fazer, mas que não teve tempo por causa da doença.

Além disso, seu melhor amigo Steve não está nada bem com ela. Ele afirma que ela não é mais a mesma, sempre egoísta preocupada demais com trabalho, e que ela deixou de ser a amiga agradável e companheira de antes.

Com a morte de Constance, Peter, o editor da revista, decide fazer uma edição especial para homenageá-la e Kitty acredita que escrever a última matéria de Constance seria uma oportunidade de limpar seu nome. O problema é que na lista constam apenas os nomes e nehuma pista de quem são ou onde encontrar essas pessoas, e pior, não há a mínima pista de qual seria a pauta da matéria. Correndo contra o tempo, Kitty precisa encontrar essas pessoas, convencê-las a dar entrevista a uma jornalista envolvida em um escândalo, e ainda descobrir o que une essas pessoas. O que elas tem de tão interessante a ponto de Constance afirmar que essa seria a grande matéria de sua vida?

"Todo indivíduo em qualquer parte do mundo tem uma história extraordinária para contar. Talvez pensemos que somos pessoas comuns, que nossa vida é entendiante porque não estamos fazendo nada de extraordinário nem estampando as capas dos jornais tampouco suas manchetes, nem ganhando prêmios memoráveis. Mas a verdade é que todos nós fazemos coisas fascinantes, admiráveis e das quais deveríamos sentir orgulho." (p.373) 

Que livro lindo!!!! Que história comovente! Me peguei às lágrimas várias vezes enquanto lia. No começo Kitty é muito egoísta, mesmo tendo acabado com a vida de uma homem inocente, ela não parece ter um pingo de remorso. Sua única preocupação é consigo mesma. Mas tudo começa a mudar conforme ela vai conhecendo as pessoas da lista e conhecendo suas histórias.

Os personagens secundários são incríveis, adorei cada um dos que estavam naquela lista. Suas histórias são repletas de lições de superação e amor ao próximo, e eles não tem a menor ideia das pessoas únicas que são. E essa é a grande magia do livro. E quando Kitty começa a conviver com eles é que ela vai percebendo o tamanho da injustiça que ela fez.

A escrita da Cecelia é sempre uma delícia de acompanhar. Ela é ágil e fluída e foca mais nos acontecimentos, deixando muita coisa nas entrelinhas, para que o leitor entenda por si. Sem contar as dicas que ela dá sobre o processo criação de textos e sobre o cuidado e a ética que jornalistas e até mesmo blogueiros devem ter ao redigir suas matérias.

A única coisa que não gostei foi a falta de romance, nesse quesito o livro foi bem morno mesmo. Até tiveram os casais, vários inclusive, mas nada arrebatador.

Enfim peeps, o livro é fofo e eu recomendo para qualquer um que queria se emocionar um pouquinho com a magia de Cecelia Ahern, pois ela é diva com certeza!

A Autora

Cecelia Ahern é irlandesa e formou-se em Jornalismo e Meios de Comunicação. Aos 21anos escreveu seu primeiro romance, P.S. Eu Te Amo, que se tornou best-seller imediatamente e foi adaptado para o cinema - assim como Simplesmente Acontece. O Presente, O Livro do Amanhã e A Vez da Minha Vida também são best-sellers em todo o mundo. As obras de Cecelia Ahern são publicadas em 46 países e já venderam, ao todo, mais de 13 milhões de cópias. Ela vive em Dublin com sua família.

Avaliação (4/5)






B-jussss! ♥
;-p

Comente com o Facebook:

6 comentários :

  1. Nina, o único que livro que li da Cecelia foi P.S. que eu não chorei (sou meio difícil pra chorar), mas que eu achei lindo embora no filme eu tenha me derretido.
    As resenhas que li desse livro foram bem divididas.
    Mas a sua foi a única que conseguiu me balançar e me deixar mais curiosa pela história.
    Quero saber qual o intuito dessa lista no final das contas.
    Vamos ver se eu consigo ler ele mais pra frente e compartilho da sua ideia. :)

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  2. Oi oi
    Leio maravilhas sobre a Cecelia (nome estranho rsrs), mas infelizmente não li nada dela :/
    Esse livro esta com certeza esta na minha lista rs quero ler e tirar minhas próprias conclusões, poder gostar dele também!
    E fico feliz em saber que não houve muito romance!!

    Beijoos Nina
    www.blogmaiscafe.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Nina, você me deixou num dilema agora. Peguei esse livro na livraria, mas acabei não comprando pois nunca li nada da autora e pedi algumas opiniões (a Lu foi uma das que opinaram que o livro não era bom), que me fizeram desistir da compra. Aí leio sua resenha, super positiva, cheia de emoção e sem romance (que eu prefiro). E agora? Não sei o que fazer kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Bjs

    Território nº 6

    ResponderExcluir
  4. Oi Nina!
    Será que lemos o mesmo livro? hahahahahaha
    Diferente de você, não li tantos livros assim da Cecelia, mas os poucos que li me fizeram ver que a escrita dela não combina comigo. Não me vi tão emocionada quanto você durante a leitura. Quando li a premissa esperava mais, mas comigo essa magia não aconteceu.
    De todo jeito fico feliz que você tenha tido uma boa leitura, no fundo, acho que é tudo questão de gosto e de se identificar.
    Bjos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Nina!

    Nossa fui olhar a foto da Cecelia e, meu Deus, como ela é linda!

    Mas enfim. A resenha da Lu já tinha me conquistado com esse livro, e agora a sua só me deixou mais ansioso pela história.

    Parece ser um livro muito gostoso de se ler e que vai nos fazer refletir e se emocionar.

    Beijos

    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/2015/07/resenha-predestinadas-por-jessica.html

    ResponderExcluir
  6. Oi Nina!
    Jura que você gostou do livro a ponto de chorar nele?
    Primeira vez que vamos discordar sobre um livro, hein?!
    A escrita da Cecelia é mesmo uma delícia, mas não criei empatia nenhuma com Kitty, deve ser por isso que o livro não aconteceu pra mim, mas fico feliz que você tenha tirado a prova dos nove sobre a Cecelia e ter certeza que ela é diva <3

    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados