Jantar Secreto - Raphael Montes


MONTES, Raphael. Jantar Secreto. São Paulo: Companhia das Letras, 2016. 368 p. Skoob.

Sinopse
"Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca.
A partir daí, eles se envolvem em uma espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos e grã-finos excêntricos, e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles."

Nesses meus anos de blogueira, aprendi que sempre se deve dar mais de uma chance aos autores, mesmo que um livro não lhe cative o suficiente, pode ser que uma próxima obra te ganhe. E foi pensando nisso, que após recebermos Jantar Secreto como cortesia , resolvi tentar mais uma vez com Raphael Montes, e eis que trago minhas impressões para vocês.

Em Jantar Secreto, Raphael nos apresenta 5 amigos universitários, eles acabaram de passar em faculdades publicas e vindos do interior de Minas Gerais, buscam realizar seus sonhos e alcançar um futuro promissor no Rio de Janeiro. Alguns anos se passam e aparentemente o sonho de futuro feliz dos jovens esta indo por água a baixo, após terminarem a faculdade nada aconteceu como esperado, e agora os meninos estão duros e desesperados, e é em meio ao desespero que surge a abençoada ideia de fazer um jantar secreto.

Um dos meninos é formado em gastronomia, e para ele seria fácil proporcionar um belo jantar à convidados desconhecidos, mas Leitão, o desocupado do grupo, resolve complicar tudo inventando um jantar com carne humana. Vendo que a grana paga para participar desse jantar é alta, eles resolvem se arriscar para se livrarem das dividas, e é assim que tudo começa.

Toda a história vai ser narrada por Dante, o protagonista que se viu enfiado em toda essa confusão sem fim, quando aceitou a loucura dos amigos. O livro é narrado em primeira pessoa e é através dos olhos dele que acompanharemos o desenrolar da trama.

Que o Raphael é bom para cenas carniceiras e de embrulhar o estômago, isso ele já provou, e aqui mais uma vez ele descreve com maestria cenas horrorizantes e sanguinárias, mas assim como em Dias Perfeitos, as falhas em seus crimes são gritantes, e depois de ler tantos thrillers fica impossível não notar que certas coisas estão erradas e são impossíveis de acontecer!!!

Cenas como as da sangria dos humanos em uma salinha de apartamento apertada, são os momentos mais desconexos que me fizeram desejar imensamente abandonar a leitura. Sei que ele já possui seu séquito de fãs, e que muitos vão até me odiar, mas infelizmente eu não consigo. E por mais que me sinta feliz em dizer que esse teve um final plausível, ainda sim nem de longe foi uma das minhas melhores leituras.

Mesmo perante as minhas críticas deixo claro que você pode sim gostar da leitura, e que personagens como Dante e Cora podem sim te conquistar, já que nesse quesito não tenho queixas, os personagens mesmo que doentios são muito bem construídos e possuem personalidades fortes e marcantes.

A edição está linda, o tipo de exemplar que dá gosto manter na prateleira, com uma diagramação perfeita, me senti surpreendida com a criatividade no capítulo onde acontece um diálogo entre os amigos pelo WhatsApp, a revisão também esta perfeita contribuindo para uma leitura agradável.

Sem mais delongas, indico para quem gosta de terror e thriller e que não se apega a detalhes como eu, para pessoas que gostam de ler cenas com muito sangue, Jantar Secreto é a pedida certa.


O Autor

Raphael Montes nasceu em 1990, no Rio de Janeiro. Escreveu os romances Suicidas, Dias perfeitos e O vilarejo, todos sucesso de público e de crítica, com os direitos de adaptação vendidos para o cinema. Dias perfeitos foi traduzido para 2 países e escolhido como Livro do Mês na Amazon norte-americana. Atualmente, Raphael assina uma coluna semanal em O Globo e escreve roteiros para cinema e TV.



Avaliação (3/5)






B-jussss! ♥
;-p

Comente com o Facebook:

11 comentários :

  1. Prefiro histórias de terror e suspense com uma pegada mais psicológica, gore eu não curto. E se tem furos na trama, mesmo se forem pequenos, já me perde. Boa resenha :D

    ResponderExcluir
  2. Bem, eu curto thriller, suspense psicológico, gore, dark fantasy e terror brabo. Sempre achei que os livros do Raphael (não li nenhum deles, aviso logo) seguiam um bom estilo, de acordo com o que encontro na rede. Em nenhuma outra resenha, vi sobre furos na trama, apenas o desgosto pelo excesso de cenas sanguinárias. Acho que só lendo p entender seu ponto de vista.. ;)

    ResponderExcluir
  3. Oi.

    Há uns meses eu estava numa vibe de ler livros do autor, depois que li O Vilarejo, gostei muito da escrita dele e quis ler mais livros. Ainda não consegui ler este livro, mas ele ainda está na minha lista de leituras para 2017. Espero que consiga ler ainda este ano.

    ResponderExcluir
  4. Bruna Costabeber7 de junho de 2017 19:15

    Olá!
    Que pena que essa leitura não tenha te agradado tanto assim. Eu já fiz a leitura e me encantei com a trama, os personagens e o desfecho. Acho que me foquei muito mais na questão da crítica social feita na trama. Se todos nós comemos carne e não temos piedade dos animais porque teríamos do ser humano? Enfim, acho que as obras estão aí para fazer isso: agradar uns e desagradar outros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Suzana Chaves Linhares8 de junho de 2017 14:33

    Olá! Nunca li nada do autor, mas tenho muita vontade de ler O Vilarejo. Bom, ele pode ter até muitos fãs, mas isso não impede de alguém não curtir tanto assim seus livros. Tenho vontade de ler esse livro, achei a trama bem curiosa, gostei dos pontos que você abordou na resenha. beijos!

    ResponderExcluir
  6. Juliana Cristina9 de junho de 2017 09:41

    Olaaa
    Amo demais essa obra simplesmente sensacional, li em um dia, o autor arrasou muito na obra
    Gostei da sua resenha
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Kelly, tudo bem?

    Nunca li nada do Raphael Montes, em parte pelo meu medo iminente e em parte por ter medo de me decepcionar. A escrita do autor recebe tantos elogios que se você teimar em discordar, já vai ser crucificada. Uma pena que a leitura não lhe agradou tanto, para mim a obra tem um tema bacana, mas preciso sentir a escrita. Por ora, é uma obra que passo.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi Kelly, tudo bem??

    Nossa menina, sabe que ainda não li nada do Rafa e tenho dois livros, mas ando ansiosa para ler algum deles... de qualquer forma eu acho a sua opinião super válida, uma vez que você já lê livros desta temática há muito tempo e detecta estas coisas, eu deixaria passar e ainda acharia a cena legal haha. Eu quero muito ler este livro. Xero!

    ResponderExcluir
  9. Li Dias Perfeitos e foi o suficiente para nunca mais querer ler algo do autor... Achei a escrita muito boa e justamente por isso tenho que passar longe, meu estômago embrulha de um jeito que vomitar é basicamente inevitável... Não daria conta dessa premissa de jantares com carne humana de jeito nenhum, e não curto enredos com sangue, então não é mesmo algo que me dê vontade de ler.

    ResponderExcluir
  10. Eita, estou começado a achar que esse livro não é para mim. kkkkk Na verdade, estou com quase certeza.
    Sou muitoooo franca para essas coisas, não suporto nem um sanguinho. Imagina então eu lendo essas cenas. khahahhaa Até tinha curiosidade de realizar a leitura, mas essa é uma das vezes que não é melhor se arriscar. :D
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  11. Oi Kelly, sua linda, tudo bem?
    Eu sou muito sensível e todas as resenhas são unânimes em dizer que o livro dele é muito pesado. Eu não conseguiria aguentar essas cenas. É muito cru para mim, risos... E confesso que além disso o próprio enredo não é algo que nos deixe bem. Confesso que ão sou o público alvo desse autor. Gostei muito da sinceridade da sua resenha, ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p

Frase da Semana

"Ler é comer e beber. O espírito que não lê emagrece como um corpo que não come."

Victor Hugo

QUEM LÊ, SABE PORQUÊ - Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados