Uma Bolota Molenga e Feliz - Sarah Andersen


ANDERSEN, Sarah. Uma Bolota Molenga e Feliz. Tradução André Czarnobai. São Paulo: Editora Seguinte, 2017. 136 p. (2ª Temporada). Título original: Big mushy happy lump. Skoob. Comprar.

Sinopse

As incríveis tirinhas de Sarah Andersen são para nós, que não economizamos dinheiro na livraria, vivemos à base de café, deixamos tudo para a última hora, somos especialistas em roubar o blusão alheio, não sabemos nos comportar em situações sociais e insistimos em Pensar Demais. Esta segunda coletânea continua exatamente onde a primeira parou: debaixo de uma pilha de cobertas, evitando as responsabilidades do mundo real. Este volume traz tiras que acompanham os altos e baixos da montanha-russa implacável que é o começo da vida adulta, além de ensaios ilustrados sobre experiências pessoais da autora ligadas a ansiedade, carreira, relacionamentos e amor por gatinhos. Tudo isso com o mesmo tom sincero, leve e divertido que já conquistou mais de 2 milhões de fãs no Facebook.

Olá!!! O inverno ainda está nos castigando aqui no sul e nada melhor que falar sobre esse quadrinho que nos representa bem no frio, Uma bolota molenga e feliz! A segunda resenha falando dos quadrinhos da Sarah Andersen, e sim, virá uma terceira logo logo!

Nesse quadrinho Sarah aborda a mesma linha do primeiro, que é falar sobre o cotidiano de uma maneira bem simples e irônica, problematizando de maneira cômica o que acontece em nossa vida. Novamente a empatia é importante para se aproximar mais do que Sarah fala em suas tirinhas, porém mesmo que não seja muito próximo da sua realidade, ainda assim é possível dar boas risadas.

Sobre a arte, tem a mesma pegada caricata do primeiro volume, super engraçadinho e agradável de ver. Não vou nem fingir que não sou muito fã da arte dela, porque eu adoro aqueles olhos gigantes (risos).


Nesse volume, lá pela metade do livro, Sarah começa a usar suas tirinhas para contar histórias mais longas, sobre como ela começou a gostar de gatos, ou sobre sua necessidade de roubar moletons dos outros. O volume de leitura é maior por conta dos textos dela, e são igualmente engraçados.

O selo Seguinte da Companhia das Letras está muito de parabéns pela edição e o carinho que deu ao trabalho de Sarah Andersen, a capa dura, a arte, e toda o cuidado em deixar tudo muito bem visível e agradável.

Essa resenha vai ser curtinha porque muito do que eu poderia apresentar nessa resenha, eu já apresentei na primeira, lá vocês vão achar as redes que a Sarah publica seus trabalhos e vale relembrar que ela começou um canal no youtube onde está sendo animado algumas de suas tirinhas, vale a pena conferir!

Espero que tenham curtido e comentem aqui o que acharam, se já leram ou gostariam de ler.
Beijocas e até a próxima!!!

Sarah Scribbles


Ninguém Vira Adulto de Verdade
Uma Bolota Molenga e Feliz
A Louca dos Gatos

A Autora


Sarah Andersen é cartunista e ilustradora. Nasceu em 1992 em Connecticut, formou-se em 2014 no Maryland Institute College of Art e atualmente mora em Nova York. Sua página no Facebook, Sarah’s Scribbles, onde posta suas tirinhas mais ou menos autobiográficas, tem mais de 2 milhões de seguidores.


Avaliação (5/5)




B-jusssss!
;-p

Nenhum comentário

Oi! Muito obrigada pela visita!
Deixe aqui seu comentário, vou adorar receber!
B-jussss! ♥
;-p